7 - REDES SOCIAIS Blog - Minha empresa está nas redes sociais mas não tenho retorno
Tel.: 11 4800-4100   (11) 97683-0809
Blog
REDES SOCIAIS
Minha empresa está nas redes sociais mas não tenho retorno
Por que isso acontece e como resolver.
Muitos empresários ou gerentes de marketing imaginam que simplesmente ter uma fan page vai fazer as vendas da empresa decolarem. Afinal, os clientes estão no Facebook e este é o melhor caminho para falar com eles. Certo?
Bom, nem tão certo, nem tão errado! O fato é que o Facebook, a mídia social com maior número de usuários no Brasil, não pode ser encarada como uma ferramenta de vendas e, sim, como uma engrenagem do mecanismo de vendas da empresa. E, mais especificamente, uma das peças responsáveis por fazer o relacionamento com os clientes.
O Facebook é, por essência, um aplicativo que foi criado para promover a interação entre os usuários, ou seja, é uma ferramenta de relacionamento. Com o tempo, as empresas foram entrando nessa onda e utilizando-o para interagir com os consumidores, divulgando seus produtos, procurando gerar comentários, promovendo seus anúncios. Ao gerar anúncios, as empresas direcionam os consumidores para outras plataformas: site, SAC, e-commerce ou até para o próprio estabelecimento físico e são nesses locais que acontecem as vendas. E não no Facebook.
Mas, então, como a fan page vai ajudar a alavancar negócios?
Você deve utilizar a fan page para se relacionar com seu público, produzindo conteúdo relevante, capaz de mantê-lo engajado com sua marca e leva-lo na jornada de compras até efetivar o negócio.
Por exemplo, se você tem uma escola de inglês. Não adianta fazer propaganda do seu curso o tempo inteiro. Você deve criar postagens fornecendo conteúdos que façam seu usuário confiar em você como uma opção na escolha de um curso. Você dá dicas sobre um determinado assunto; você fala sobre os benefícios de saber falar inglês; em seguida, você convida o usuário para visitar seu blog, onde ele vai receber informações mais detalhadas sobre esse assunto e ver o quanto você domina esse tópico; seu usuário começa a frequentar o blog e a própria fan page atrás de outros conteúdos; depois você oferece um e-book para que ele possa aprender mais através de uma landing page (página de captura de dados) e com isso consegue suas informações de contato, transformando-o realmente num cliente potencial; até que ele esteja “pronto” para ser impactado por um anúncio mais efetivo ou receber uma ligação da sua equipe de vendas.
Como você percebe, esse processo de vendas teve início do Facebook, mas logo passou para outras ferramentas: o blog, uma landing page, um contato telefônico. Isso mostra que a fan page é, sim, uma parte dessa venda, mas não o mecanismo completo. Mas é justamente o ponto inicial que vai chamar a atenção do seu cliente.
Por isso, você deve manter sua fanpage sempre atualizada, com assuntos interessantes que possam ser do interesse do consumidor. Deve, também, impulsionar suas postagens periodicamente buscando públicos bem específicos e novos fãs para sua base. Sem o impulsionamento, apenas 4% das postagens chegarão aos seus fãs. Então, nada de achar que não precisa investir! É imprescindível que você direcione uma verba mensal para seus anúncios. E ela não precisa ser gigantesca! Com R$300,00 por mês você já consegue dar uma boa movimentada na sua fanpage! Basta você saber como tirar o melhor proveito da ferramenta

Para finalizar, nosso recado final é: lembre-se que a fanpage sozinha não fará milagres, mas ela é uma parte importante na sua máquina de vendas. Procure pensar na sua estratégia global de marketing digital e de que maneira a fan page vai impactar seu cliente levando-o até a efetivação da compra do seu produto. E boas vendas!
A melhor maneira de fazer esse trabalho é contratando uma agência de publicidade, especializada em mídia digital. Fale com a @mb8-publicidade e descubra como obter mais resultados  com menores investimentos.  atendimento@mb8.com.br

Entre em contato conosco e

agende uma visita sem compromisso

Entre em contato